sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

in a sentimental mood for carolina

falei aqui, poucos dias atrás, que em 22 de janeiro de 2000, eu e carolina nos beijamos pela primeira vez. já era alta-noite-madrugada quando os olhares trocados - nos conhecíamos desde 1997 - viraram outra coisa. na sequência, sem muito lero-lero porque paixão assim não acontece todo dia e nem dá pra segurar, veio o namoro, as descobertas e muitas outras coisas. alguns anos depois juntamos nossos trapinhos, casamos, e montamos nosso primeiro lar: um apartamento lindo e cheio de boas lembranças lá no baixo pinheiros, na rua joão elias saada. novas descobertas no convívio diário, novas delícias (rusgas, crises e brigas também, quem não as tem). mais um tempo se passou e nos mudamos para um outro apartamento que, desde janeiro de 2007, vem sendo decorado com novas e belas histórias nossas (ali na oscar freire, do lado de pinheiros). e assim, de casa em casa, dez anos se passaram. uma década ao lado de carolina, mulher linda, forte, bem humorada, esperta, companheira e com tantas outras qualidades que se for listar aqui vai parecer que estou mentindo. não estou. mas também não vou entregar o ouro, afinal ela é minha, sacumé. por isso, sobe o som.



taí uma música que é, sem sombra de dúvidas, a nossa música. é também a faixa que abre um dos melhores discos da história mundial do mundo: duke ellington & john coltrane (impulse, 1962). que essa música, e outras mais que virão, embale nossas próximas décadas de amor, conquistas e carinhos sem ter fim.

carolina, eu te amo!

3 comentários:

Marcio Macedo (Kibe) disse...

Realmente esse som e esse disco são duca!

Anônimo disse...

Ahhhhhhhhhhh suspiros!! Bjs pr'oces( :) Tati Alencar)

Dani disse...

Ai que coisa mais fofa! Casal lindo! 10 elevado à 10a procês!! Uma beijoca imensa! Dani