terça-feira, 20 de dezembro de 2011

as 25 músicas nacionais de 2011 + bônus

canções inesquecíveis nunca faltaram ao brasil e esse ano viu nascer um monte delas. cantadas ou instrumentais, de recife, belém, curitiba, vitória, são paulo, rio de janeiro, maceió, de tudo que é canto do país. e com muita gente aparecendo em mais de uma - lembro agora de cabeça de rodrigo ogi, karina buhr, marcelo cabral, thiago frança, kiko dinucci e anelis assumpção. seguem agora, na ordem alfabética de sempre, as 25 principais de 2011.

academia da berlinda – "praia do l" (olindance)



anelis assumpção – "neverland" [part. céu] (sou suspeita estou sujeita não sou santa)



autoramas – "abstrai" (música crocante)



bid – "chiquinha hey" [part. luiz melodia, anelis assumpção e negresko sis] (bambas 2)



cícero - "joão e o pé de feijão" (músicas de apartamento)



criolo – "linha de frente" (nó na orelha)



domenico – "fortaleza" (cine privê)



eddie – "o saldo da glória" [part. otto e karina buhr] (veraneio)



emicida – "pequenas empresas" [part. mv bill e dom pixote] (doozicabraba e a revolução silenciosa)



felipe cordeiro – "legal e ilegal" (kitsch pop cult)



gal costa – "recanto escuro" (recanto)



gui amabis – "o deus que devasta mas também cura" [part. lucas santtana] (memórias luso-africanas)



karol conká – "boa festa" (single)



kassin – "potássio " (sonhando devagar)



lirinha – "valete" [part. angela ro ro & otto] (lira)



marcelo camelo – "acostumar" (toque dela)



momo – "barco" (serenade of a sailor)



mundo livre s/a – "o velho james brouse já dizia" (as novas lendas da etnia toshi babaa)



pélico – "levarei" (que isso fique entre nós)



rodrigo ogi & stereodubs – "talarico" (single)



são paulo underground – "colibri" (três cabeças loucuras)



silva – "a visita" (silva EP)



slim rimografia & thiago beats – "batida e alfenim" [part. rapadura] (mais que existir)



vanguart – "mi vida eres tu" (boa parte de mim vai embora)



wado – "si próprio" [part. zeca baleiro] (samba 808)



e tem muitas outras dentro desses discos citados acima. mas a regra (aqui) é clara: só pode uma por álbum. no mais, o país é grande, a produção é imensa e coisa boa não falta, portanto seguem mais trinta músicas que fizeram a minha trilha do ano.

adriana calcanhotto – "beijo sem" (o micróbio do samba)
amiri – "insônia" (êta porra EP)
arthur de faria e seu conjunto – "tango do morto" (música para ouvir sentado)
bixiga 70 – "zambo beat" (bixiga 70)
chimpanzé clube trio – "nos tempos da motown" (tudo veio do nada)
css – "hits me like a rock" [part. bobby gillespie] (la liberación)
douglas germano - "obá iná" (orí)
faria & mori – "precaução" (outro lugar)
flávio renegado - "suave" (minha tribo é o mundo)
gang do eletro – "uno treme treme" (single)
junio barreto - "passione" (setembro)
karina buhr – "não me ame tanto" (longe de onde)
kiko dinucci, juçara marçal e thiago frança – "trovoa" (metá metá)
leandro lehart – "fricote" (ensaio de escola de samba)
mallu magalhães - "velha e louca" (pitanga)
mariana aydar – "cavaleiro selvagem" (cavaleiro selvagem aqui te sigo)
marina lima - "não me venha mais com o amor" (climax)
marisa monte – "o que se quer" [part. rodrigo amarante] (o que você quer saber de verdade)
pio lobato – "luana samba dub" (café 2)
rafael castro - "tô chutando lata" (rc canta rc EP)
rashid – "vou ser mais" (dádiva e dívida)
rodrigo ogi – "eu tive um sonho" (crônicas da cidade cinza)
romulo fróes, kiko dinucci, marcelo cabral e rodrigo campos – "cidadão" (passo torto)
savave – "no bonde" [part. rodrigo ogi] (versão extendida)
seu jorge – "dois beijinhos" (músicas para churrasco vol. 1)
sistema criolina - "manos e molhados [secos & molhados vs. racionais mcs]" (single)
strobo - "zouk house" (coletânea fora do eixo norte vol. 1)
xeiro verde – "loucas no pop" (single)
zé miguel wisnik – "mortal loucura" (indivisível)
tulipa ruiz – "memória fora de hora" (literalmente loucas – elas cantam marina lima)

3 comentários:

Nicolau Amador disse...

http://www.paramusica.com.br/pagina/ladop/

A gente lançou esse disco do Pio. E se você quiser conhecer mais música paraense, saca só o disco do Elder Effe (ex-Suzana Flag). Acrescente mais sobre a nova música paraense. Parabéns pelo trabalho.

Cordialmente,

Valtinho disse...

Arrasou Dafneira, o cara essencial.
Abraço apertado

dafne sampaio disse...

valeu valtinho e nicolau. é nozes.